h1

“La alegría no es solo brasilera”

11 novembro, 2008

Assim falou Charly García, meu ídolo musical pop argentino todo errado na vida genial na arte. Todo errado não. Uma vez ele disse numa entrevista: “Quando percebi que cantando e tocando eu conseguia hamburger, guita $$$ e gatas resolvi minha vida.” Tá certo né gente? Pois bem: com esta música que cito no título do post ele celebrava o fim da ditadura militar na Argentina dos anos 80 e conclamava o povo argentino a soltar o espírito para que em Buenos Aires se notasse que a alegria não era exclusividade nossa. Convenhamos: um povo que usa uma expressão tipo “la re-contra-madre que te parió” é alegre.  Torço sempre para que tudo dê certo para a Argentina (menos no futebol, claro) -pronto, falei.

 charly-prada

Anúncios

One comment

  1. […] 2008 in Meu querido diário, Momentos culturais., Viajando por aí… Seguindo a onda da Elisa, também ouso confessar: gosto da argentina, dos argentinos, torço pela argentina. pronto, falei e […]



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: